Translate

Pesquisar

sábado, 7 de outubro de 2017

Catecismo de São Pio X: Do Símbolo dos Apóstolos - CAPÍTULO XII Do undécimo artigo do Credo




Primeira Parte
Do Símbolo dos Apóstolos, chamado vulgarmente o "Credo".


Capítulo XII

Do undécimo artigo do "Credo" 


238) Que nos ensina o undécimo artigo do Credo: na ressurreição da carne?
O undécimo artigo do Credo ensina-nos que todos os homens hão de ressuscitar, retomando cada alma o corpo que teve nesta vida.


239) Como se fará a ressurreição dos mortos?
A ressurreição dos mortos realizar-se-á por virtude de Deus Onipotente, a Quem nada é impossível.


240) Quando será a ressurreição dos mortos?
A ressurreição de todos os mortos será no fim do inundo, e depois seguir-se-á o Juízo universal.


241) Por que quer Deus a ressurreição dos corpos?
Deus quer a ressurreição dos corpos para que a nossa alma, tendo feito o bem ou o final unida ao corpo, receba juntamente com ele o prêmio ou o castigo.


242) Ressuscitarão os homens, todos da mesma maneira?
Não. Haverá enorme diferença entre os corpos dos eleitos e os corpos dos condenados; porque somente os corpos dos eleitos terão, à semelhança de JesusCristo ressuscitado, os dotes dos corpos gloriosos.


243) Quais são estes dotes que adornarão os corpos dos bem-aventurados?
Os dotes que adornarão os corpos gloriosos dos bem-aventurados são:
1o a impassibilidade, pela qual eles não mais poderão estar sujeitos a males, nem dores de espécie alguma, nem às necessidades de alimento, de repouso e de qualquer outra
coisa;
2o a claridade, pela qual eles resplandecerão como o sol e as estrelas;
3o a agilidade, pela qual eles poderão passar num momento sem fadiga, de um lugar para outro e da terra ao Céu;
4o a sutileza, pela qual elespoderão, sem obstáculo, passar atravésde qualquer corpo, como fez Jesus Cristo ressuscitado.


244) Como serão os corpos dos condenados?
Os corpos dos condenados serão destituídos dos dotes dos corpos gloriosos dos bem-aventurados, e trarão o horrível estigma da reprovação eterna.


SÃO PIO X. Catecismo Maior de São Pio X. Edições São Tomás, 2010. Rio de Janeiro: Permanência, 1905.

Nenhum comentário:

Postar um comentário